Vinho Italiano

A história do Martini, e um passeio pelo seu museu

A Martini é uma marca de bebidas italianas mundialmente conhecida, principalmente pelos vermutes. Localizada perto de Turim, na região do Piemonte, a marca produz diversos rótulos de bebidas, utilizadas nos mais famosos drinks, tais como o dry martini. Conheça um pouco mais sobre a história da marca e sobre os passeios que podem ser feitos no museu e na fábrica da marca.

A história da Destilaria Martini

A história da Martini começa em 1863, quando os amigos Alessandro Martini, Luigi Rossi e Teófilo Sola adquiriram uma antiga destilaria em uma pequeno vilarejo perto de Turim. O objetivo era produzir bebidas alcoólicas, entre elas, o vermute, uma mistura de vinho e ervas. Luigi, em especial, era um especialista em ervas, e começou a fazer vários testes para a criação de um vermute próprio. Assim nasceu o famoso Martini Rosso, o primeiro produto da marca.

Em 1879, a família Sola vendeu sua participação para os outros sócios, que rebatizaram a empresa com o famoso nome: Martini & Rossi. A empresa cresceu de forma rápida, rapidamente tornando-se uma referência no mercado de bebidas destiladas. Com seu nome e marca já consolidadas, em 1993 a Martini & Rossi se fundiu com a Bacardi, outra gigante do mundo das bebidas, criando uma nova empresa que se tornou a maior produtora de destilados do mundo.

As receitas da Martini

Os produtos da Martini são feitos de uma mistura de quatro ingredientes: vinho, ervas, açúcar e álcool. A receita exata para cada bebida é um segredo guardado a sete chaves, e passado de mestre para mestre de geração a geração. Apenas duas pessoas conhecem as receitas, o “mestre misturador”, responsável pelas misturas exatas de cada bebida, e o “mestre de ervas”, responsável por selecionar as ervas e as quantidades exatas. É o trabalho desses mestres que garante o sabor e a qualidade inigualáveis das bebidas da Martini

As bebidas

Atualmente, a Martini produz as seguintes variedades de bebidas:

Aperitivo

  • Martini Rosso;
  • Martini Extra Dry;
  • Martini Bianco;
  • Martini Rosato;
  • Martini Fiero;
  • Martini Fiero &Tonico.

Não alcoólicos

  • Martini Vibrante;
  • Martini Floreale;
  • Martini Vibrante e Tônico;
  • Martini Floreale e Tônico.

Martine Riserva Speciale

  • Martini Riserva Speciale Ambrato;
  • Martini Riserva Speciale Rubino;
  • Martini Riserva Speciale Amargo.

Martini Vino Frizzante

  • Martini Asti;
  • Martini Prosecco;
  • Martini Brut;
  • Martini Rosé Demi-Sec;
  • Martini Rose Extra Dry;
  • Martini Riesling.

Martini Collezione Speciale

  • Martini Collezione Speciale Asti;
  • Martini Collezione Speciale Prosecco.

O drink Dry Martini

O vermute da Martini é utilizado na elaboração de diversos drinks, consumidos em todo o mundo. Um dos mais famosos é o icônico dry martini. Feito com uma mistura de gin e vermute seco, normalmente utilizando a proporção de seis para um (seis partes de gin para uma de vermute) em sua receita clássica, e servido em taça cocktail. Em algumas variações levar azeitonas (a mais famosa delas), cereja e até pimenta.

A origem do clássico drink não é muito clara. Alguns atribuem sua criação a um barman americano de origem italiana, cujo sobrenome era Martini. Ele trabalhava no bar de um hotel em Nova York, em 1910, e teria criado o drink para o magnata John Rockefeller, que era um ilustre hóspede do hotel. Outros alegam que o drink já era mencionado em publicações anteriores. O que se sabe de fato é que o drink está, desde sua criação, na lista dos mais populares do mundo.

A Casa Martini

A fábrica da Martini, conhecida como Casa Martini, está localizada no pequeno vilarejo de Pessione, perto de Turim. A fábrica está aberta aos turistas, e oferece vários tipos de tours guiados para escolha dos visitantes. Os passeios oferecidos são os seguintes:

Martini Discovery Tour

  • Explicação sobre as ervas utilizadas e os processos de produção das bebidas;
  • Visita ao Museo Galeria Mondo Martini, onde a história da marca é contada em detalhes;
  • Visita ao interior da fábrica;
  • Degustação de três bebidas e um coquetel feito na hora;
  • Duração de aproximadamente duas horas.

Experiência Martini Cocktail

  • Explicação sobre as ervas utilizadas e os processos de produção das bebidas;
  • Visita ao Museo Galeria Mondo Martini, onde a história da marca é contada em detalhes;
  • Visita ao interior da fábrica;
  • Degustação de coquetéis feitos na hora;
  • Duração de aproximadamente duas horas.

Classe Vermouth

  • Explicação sobre as ervas utilizadas e os processos de produção das bebidas;
  • Visita ao Museo Galeria Mondo Martini, onde a história da marca é contada em detalhes;
  • Visita ao interior da fábrica;
  • Mini aula de produção, onde o visitante terá a oportunidade de fazer o seu próprio Vermute
  • Duração de aproximadamente duas horas.

Martini Ultimate Experience

  • Explicação sobre as ervas utilizadas e os processos de produção das bebidas;
  • Visita ao Museo Galeria Mondo Martini, onde a história da marca é contada em detalhes;
  • Visita ao interior da fábrica;
  • Degustação dos produtos da Martini acompanhados de alimentos que harmonizam com cada bebida;
  • Duração de aproximadamente duas horas.

Ao final de todos os tours, o visitante é levado até a loja da fábrica, onde poderá adquirir o seu Martini preferido.

Além do museu e do tour pela fábrica, a Casa Martini ainda oferece a Terrazza Martini, um espaço que pode ser locado para a realização de diversos tipos de eventos, cursos de mixologia e preparação de drinks através da Martini Bar Academy, e o Lounge Bar, que oferece bebidas e pratos rápidos.

Veja todos os textos que escrevemos sobre o Piemonte

Como chegar até a Casa Martini?

É muito fácil chegar até a fábrica da Martini. A Casa Martini está localizada em Pessione, a apenas 20 quilómetros de Turim, 149 quilômetros de Gênova e 158 quilômetros de Milão. Para quem vem de Turim, a viagem de carro pode ser feita pelas autoestradas SS10 ou E70, e leva cerca de 35 minutos. Para quem vem de trem, a viagem dura um pouco mais, cerca de 50 minutos. A estação de trem de Pessione fica bem em frente a fábrica da Martini.

Vale a pena conhecer?

Quem aprecia a bebida e gosta de visitar o interior de uma fábrica e conhecer melhor os processos de fabricação, vai apreciar bastante esse passeio. Portanto, se você estiver passando pela região, vale a pena dar um pulo até lá para conhecer a fábrica da Martini. E para quem pretende conhecer melhor o Piemonte e arredores, temos vários passeios com guia em português pela região.

Sobre Deyse RibeiroDeyse Ribeiro é natural de Minas Gerais, mas vive na Toscana desde 2007. Fez curso de sommelier na FISAR, master em Wine Expert (Academia del Gusto) e Guia Enológica na Itália. É empresária, guia de turismo, especialista em turismo de experiência na Itália, além de editora do Portal Tour na Itália, e deste site.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *