Vinho Italiano

Passeios pelas vinícolas na Umbria: Cantine Zanchi

Durante minha viagem pela Umbria em setembro do ano passado eu visitei 2 vinícolas, a Cantine Zanchi em Amelia e Cantina La Palazzola em Narni. Hoje conto como foi visitar a Cantine Zanchi.

Cantina Zanchi Vinícola - Umbria - Itália

Como parte de nossa visita a Umbria, durante o blog tour pela província de Terni, visitei primeiramente a Cantine Zanchi, um pouco fora da linda cidade de Amelia.

Leia também os outros textos dessa viagem:

Na chegada, fomos recepcionados por toda a família de vinicultores que mantém o negócio fundado há quarenta anos pelo avô Licurgo Zanchi que nos anos 70 comprou estas terras em meio às colinas da Umbria. Como aquela terra não tinha sido explorada como vinicultura, ele precisou de uma grande paciência e perseverança.

Cantina Zanchi Vinícola - Umbria - Itália

O filho de Licurgo, Leonardo, e sua esposa Anna Maria, desenvolveram a vinha até o seu estado atual e agora os netos de Licurgo estão desempenhando um papel de liderança na produção de seus excelentes vinhos. A vinícola Cantine Zanchi hoje tem 30 hectares de vinha, numa colina com uma paisagem maravilhosa, a vista dali de cima é espetacular!

Mario, neto de Licurgo, nos levou para um passeio em meio às vinhas e nos deu uma explicação sobre as diferentes variedades de uvas que estão crescendo lá, que incluem a Ciliegiolo, a Grechetto, Aleatico, Malvasia, Trebbiano e Sangiovese.

Cantina Zanchi Vinícola - Umbria - Itália

Nós fomos convidados a provar algumas das uvas ainda penduradas nas parreiras. Como visitamos em setembro, época da colheita, elas estavam prontas e deliciosas. Eu provei, eram açucaradas, com sementes pequenas, que só de lembrar me dão água na boca.

Cantina Zanchi Vinícola - Umbria - Itália

O passeio ao redor da vinha foi encantador, pois o mês de setembro é ideal para visitar as vinícolas, pra quem adora esse cenário. Entre as colinas as uvas crescem em ambiente idílico e as fileiras de vinhas são impecavelmente bem cuidadas. A parte mais antiga da vinha tem 46 anos, e produz as uvas Trebbiano.

Cantina Zanchi Vinícola - Umbria - Itália

Há também uma vinha experimental, na qual a vinícola Zanchi trabalha em colaboração com a Universidade de Perugia, a experiência começou em 2009, onde antigas variedades de uvas estão sendo cultivadas, e este será o primeiro ano de colheita delas.

Os vinhos realizados pela Cantine Zanchi são 12, e a vinícola está no coração da área com denominação “Amelia DOC”, reservada para origem vinhos Branco, Vermelho, Vermelho Reserve, Grechetto, Ciliegiolo Ciliegiolo Riserva, Rosato, Novello, Malvasia, Merlot e Merlot Reserva, Sangiovese, Sangiovese Riserva, Vin Santo e Vin Santo Occhio di Pernice.

Cantina Zanchi Vinícola - Umbria - Itália

A área de produção das uvas para vinhos com denominação de origem “Amelia” inclui todo o território administrativo dos municípios de Attica, Júpiter, Penna in Teverina, Alviano, Amelia, Calvi da Úmbria, Guardea, Lugnano, Montecastrilli, Narni, Otricoli, San Gemini, Stroncone e Terni.

Entre os 12 rótulos que produz, estão: Areia, que é um Chardonnay, Sciurio é feito de uma mistura de Sangiovese, Canaiolo e Merlot, envelhecido em barris de carvalho que é; Arvore é feita a partir Grechetto; Armane é uma mistura de Sangiovese e Ciliegiolo, brevemente envelhecido em barris de carvalho e Carmine, feito de uvas Ciliegiolo.

Cantina Zanchi Vinícola - Umbria - Itália

Como acontece com a maioria dos produtores de vinho, Zanchi também produz grappa, feita a partir da uva Ciliegiolo.

Visitamos o local onde os vinhos são produzidos, e envelhecidos em grandes barris de carvalho… adoro o cheiro das adegas!

Cantina Zanchi Vinícola - Umbria - Itália

E falando em adega – a delas abriga todas as fases de produção, desde a recepção das uvas ao engarrafamento e onde as mais modernas tecnologias são combinadas a tradição e experiência do passado. Uma curiosidade, eles construíram um túnel subterrâneo reservado ao envelhecimento em barris de carvalho e do envelhecimento na garrafa que complementa o estado de evolução do vinho.

Cantina Zanchi Vinícola - Umbria - Itália

Depois de nossa exploração da vinha e da adega, nós fomos convidados para um brunch para provar alguns produtos locais e, claro, degustar os vinhos.

Cantina Zanchi Vinícola - Umbria - Itália

Cantina Zanchi Vinícola - Umbria - Itália

Provamos as delícias locais como a massa frita que lembra um arancino siciliano, mas que se chama suppli, é recheado com mussarela e tomate e era frito na hora, os deliciosos presuntos locais, queijos, crostines, mãe, tudo do bom e do melhor e tendo a oportunidade de ver uma vista dessas… maravilhoso!

Cantina Zanchi Vinícola - Umbria - Itália

Cantina Zanchi Vinícola - Umbria - Itália

E assim uma visita a Cantine Zanchi torna-se uma oportunidade para descobrir vinhos definitivamente excelentes, mas também para conhecer um território ainda muito pouco conhecido e explorado pelos brasileiros, em um dos contextos, ao menos pra mim, mais amados  da paisagem da Úmbria, na rota da Strada dei vini Etrusco Romana.

Cantina Zanchi Vinícola - Umbria - Itália

Essa parte da Umbria me surpreendeu tanto, pouco turística, por ser pouco explorada, mas rica de história, de veracidade que é estampada nos rostos e sorrisos dessa gente orgulhosa da sua tradição!

Cantina Zanchi Vinícola - Umbria - Itália

Azienda Agricola Zanchi
SP8 Amelia-Orte Km 4.610 05022 Amelia (Tr)
telefone +39 0744-970011
www.cantinezanchi.it
info@cantinezanchi.it

Nota: Eu participei desta viagem de imprensa como convidada pelo GAL – Grupo de Ação Local de Terni. Este post faz parte de uma série de textos baseados nas minhas experiências durante esta viagem. Todos serão identificados. Não recebi dinheiro para escrever, não tenho nenhum vínculo de obrigações de produção de textos, divulgação de mídia social, portanto tenho total liberdade editorial.

blogtour

Mapa

Sobre Deyse RibeiroDeyse Ribeiro é natural de Minas Gerais, mas vive na Toscana desde 2007. Fez curso de sommelier na FISAR, master em Wine Expert (Academia del Gusto) e Guia Enológica na Itália. É empresária, guia de turismo, especialista em turismo de experiência na Itália, além de editora do Portal Tour na Itália, e deste site.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *